Vídeos

Loading...

quarta-feira, 15 de dezembro de 2010

Semana da Consciência Negra - Máscaras Africanas

Relatório da Semana da Consciência Negra
Profº Galindo Pedro Ramos

Confecções de Máscaras
Africanas, objetivando resgatar a arte africana


As Máscaras nas comunidades africanas, geralmente estão ligadas a rituais religiosos, de guerra, de fertilidade da terra e até mesmo de entretenimento. Elas são criadas para serem vistas em movimento. Diferentemente das máscaras da sociedade ocidental, para as comunidades africanas toda a indumentária que cobre o corpo do mascarado é considerada máscara; e geralmente são os homens quem dançam mascarados.
Quando esculpidas, as máscaras africanas não representam fielmente rostos humanos. São geralmente esculpidas em madeira, a sua confecção passa por rituais desde a escolha de quem vai confeccioná-la até o ritual de purificação pelo qual o escultor irá passar, para que possa a partir daí, nascer uma nova máscara em substituição de outra.
No ensejo das comemorações do Dia Nacional da Consciência Negra, as peças confeccionadas pelos alunos da 6ª série do ensino fundamental, serviram de homenagem à arte e cultura do continente africano.
O trabalho com os alunos seguiu na seguinte metodologia:

• trabalhos com textos que abordam temas referentes a arte africana;
• pesquisa com os alunos, na internet, imagens de máscaras
africanas
e quais situações elas eram e são usadas nos dias atuais;
• cada aluno escolhe uma máscara que pesquisou na internet e faz uma recriação daquela máscara, ainda em uma folha como molde;
• confeccão das máscaras usando papéis cartão coloridos, grãos de feijão e milho, lacres de latinha de refrigerante, penas, e.v.a., tnt, etc.

Nenhum comentário:

Postar um comentário